O que são hackers e como proteger sua empresa?

o que são hackers
4 minutos para ler
Powered by Rock Convert

Na era da informação, dados são poder. E, por isso, as empresas precisam ter cuidados meticulosos com as informações que circulam em seus negócios. Afinal, qualquer brecha que possa chamar atenção de cibercriminosos pode ser aproveitada e gerar uma série de prejuízos.

Por isso é importante saber o que são hackers, como eles agem e de que forma é possível se proteger das ações desses criminosos, minimizando problemas que possam a vir a ocorrer diante de seus ataques. Continue lendo nosso artigo e saiba mais sobre esse assunto.

O que são os hackers?

Hackers é a forma popular como são conhecidos os cibercriminosos. Eles atuam buscando vulnerabilidades de segurança dos sistemas dos negócios para obter vantagens indevidas, seja por meio de fraude, seja por obtenção de dados sigilosos, chantagem para devolução de dados sequestrados, entre outros. Normalmente são especialistas na área de programação que sabem reconhecer brechas e vulnerabilidades nos sistemas, de forma que suas ações são meticulosas e, muitas vezes, invisíveis para o usuário comum.

Como funciona a ação dos cibercriminosos?

Como falamos, os hackers são especialistas — eles sabem como alcançar seus objetivos facilmente e de forma disfarçada para um usuário comum, incluindo seus colaboradores. Por exemplo, um cibercriminoso consegue aproveitar uma brecha de vulnerabilidade fazendo com que um funcionário seu abra um link corrompido.

Há diversos tipos de ataques hacker que podem ocorrer em sua empresa, tais como:

  • ataque de negação de serviço (DDoS), no qual os criminosos conseguem fazer o site da sua empresa cair por meio de sobrecarga de acessos que não são reais;
  • interceptação e obtenção de dados. Por meio de acesso remoto, os hackers conseguem obter documentos que constam nos servidores internos da empresa;
  • ransomware, no qual os cibercriminosos criptografam os dados internos da organização e pedem um valor de resgaste para que possam devolver o acesso.

São diversos os tipos de ataque, porém, essas três modalidades são as principais. Elas merecem atenção por parte dos gestores para que consigam se prevenir de problemas dessa natureza.

Quais prejuízos eles podem causar?

Como você pôde perceber, as ações cibercriminosas visam obter vantagens para os hackers, o que gera, consequentemente, uma série de prejuízos para as organizações. Em primeiro lugar, há os prejuízos financeiros diretos, independentemente do tipo de ataque.

Em um ataque DDoS, a empresa sofre com a paralisação dos serviços. Na interceptação, pode-se fraudar dados de bancos, bem como obter dados sensíveis dos usuários (como números de cartões de crédito dos clientes). Já em um ataque ransomware, na ânsia de conseguir os dados necessários para a normatização das atividades, os gestores pagam o valor do resgate das informações (o que não é garantia do retorno do acesso, inclusive).

Além dos prejuízos financeiros, podemos também acrescentar os danos imateriais. Uma empresa que sofra com perdas e/ou vazamentos de dados sensíveis fica com a imagem prejudicada no mercado. Afinal, como um cliente confiará que ele não terá o seu número de cartão de crédito interceptado em uma futura compra? Por isso é de extrema importância saber como evitar esse tipo de situação para não causar danos permanentes à imagem da empresa.

Como evitar essa situação?

Algumas medidas podem ser implementadas pelas organizações como uma forma de minimizar ou, até mesmo, evitar problemas dessa natureza, tais como:

  • mantenha seus softwares atualizados;
  • utilize apenas sistemas operacionais e softwares originais;
  • crie uma política de segurança de dados na empresa;
  • treine seus funcionários para medidas de segurança eficazes;
  • bloqueie acesso a conteúdos que tenham maior probabilidade de abrir brechas de vulnerabilidade.

Agora que você já sabe o que são hackers, é fundamental que você conte com um fornecedor de serviços de TI. Ele implementará todas as medidas necessárias para proteger os sistemas da sua empresa constantemente, atualizando protocolos de segurança para novos tipos de ataques que venham a surgir.

Você tem medo de terceirizar os serviços de TI da sua empresa? Então veja quais são as vantagens disso em nosso artigo e perca o receio de contar com esse serviço.

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-